Prefeitos da AMAV recebem representantes da INSG

Publicado em 24 out 2016 por Bárbara Araújo
amavgd

Dr. Felipe Massote falou aos futuros prefeitos sobre o risco de Sete Lagoas perder o credenciamento dos serviços de Oncologia

Membros da Diretoria e do Conselho da Irmandade de Nossa Senhora das Graças foram recebidos, nesta sexta-feira, 21 de outubro, por prefeitos eleitos das cidades que pertencem à AMAV, a Associação dos Municípios da Microrregião do Alto Rio das Velhas. Eles se reuniram a convite de Leone Maciel, que assume a Prefeitura de Sete Lagoas em 2017.

Também foi a convite de Leone que o presidente da INSG, Heber Henrique Moreira, o Conselheiro Fiscal Aluísio Barbosa Junior e o Diretor Técnico Dr. Felipe Massote participaram do encontro, onde estavam ainda o vice-prefeito eleito Duílio de Castro, o deputado Estadual Douglas Melo e o secretário executivo da AMAV Ramos José Aparecido.

Estavam presentes prefeitos e vice-prefeitos das cidades de Capim Branco, Matozinhos, Jequitibá, Paraopeba, Santana de Pirapama, Cachoeira da Prata, Baldim, Prudente de Morais, Cordisburgo, Inhaúma e Funilândia.

Logo na abertura da reunião, Leone Maciel passou a palavra ao presidente da INSG para que ele falasse aos demais prefeitos sobre o risco que Sete Lagoas corre de perder o credenciamento para os serviços de Oncologia, que atualmente funcionam no Hospital Nossa Senhora das Graças. Heber Moreira agradeceu a valiosa oportunidade de poder explicar a situação para tantas lideranças de uma só vez, e pediu o apoio dos eleitos, considerando a importância do HNSG para o cenário da saúde regional. “Todos nós temos uma história com o HNSG, e com os senhores e seus munícipes não deve ser diferente. Por isso é tão importante, para o Hospital e para a população, o comprometimento de todos os municípios para com o HNSG”, disse.

Em seguida, o diretor Técnico Dr. Felipe Massote revelou dados sobre os atendimentos a pacientes oncológicos que, caso Sete Lagoas perca o credenciamento, serão obrigados a se tratar na cidade de Curvelo. “Nós não nos preocupamos com o credenciamento de Curvelo. O que nos interessa é a manutenção do credenciamento em Sete Lagoas. São fatos independentes. Nós elaboramos um plano de ação, que já está sendo executado junto à Superintendência Regional de Saúde. Esse processo está sendo acompanhado de perto pelo Deputado Douglas Melo. Nós estamos conseguindo reverter parcialmente uma decisão que já havia sido tomada. Já começamos a fazer o agendamento de novas primeiras consultas, que não estavam acontecendo”, revelou. Massote afirmou ainda que o HNSG já está atendendo à demanda reprimida de exames que não estavam sendo agendados e redesenhando o modelo assistencial da oncologia para que o paciente tenha acesso direto ao ambulatório de oncologia, para só depois participar da rede, e não o contrário. “Muitas vezes o paciente se perde nesses encaminhamentos, e o paciente com câncer não pode esperar”, disse.

Antônio Divino, prefeito reeleito de Matozinhos, reconheceu a importância do HNSG. “É uma casa que merece os nossos esforços. Estamos todos no mesmo barco e precisamos remar no mesmo sentido”, afirmou, colocando-se à disposição da Irmandade.

Todos os demais prefeitos presentes, durante suas falas, demonstraram apoio à causa apresentada pela Irmandade, e a situação da saúde dominou a pauta do encontro. “Enquanto o Hospital Regional não está pronto para atender a população, precisamos mais do que nunca do Hospital Nossa Senhora das Graças, neste momento em que ele também precisa de todos os nossos esforços”, afirmou Douglas Melo.

Atualmente, Sete Lagoas não faz parte da Associação, mas Leone Maciel tem afirmado a importância da união dos municípios para o desenvolvimento da região.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone
Hospital Nossa Senhora das Graças © 2014 - Todos os direitos reservados